Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

E porque não eu?

terapia de reflexão para mentes livres e com paciência, SA ou Lda não interessa, pelo menos pensar não paga impostos

E porque não eu?

tecnologia Fina

por António Simões, em 24.09.15

Quem atende ao balcão não pode deixar de reparar em certos e determinados pormenores. Pelas amostras que tenho possibilidade de analisar, reparo que a percentagem de pessoas que são possuidoras de telefones ditos inteligentes aproxima-se a larga escala dos 99,9%. Dos mais pequenos écrans aos maiores, do segmento mais baixo ao topo de gama da espécie, os telefones supostamente inteligentes conquistaram definitivamente o mercado. No entanto, e como diz o ditado "não há bela sem senão", para além de chegar a esta conclusão estatística, reparo também que ao mesmo tempo grassa uma epidemia neste tipo de aparelhos, patologia que poderei classificar de "vidro quebradiço". Assim, estabeleci um paralelismo entre o tamanho do telemóvel e o aparecimento desta patologia, pois a mesma é mais frequente nos aparelhos de maiores dimensões. A relação causa-efeito é fácil de estipular: o telemóvel deixou de andar no bolso, para andar na mão do utilizador, pois pelo tamanho de alguns aparelhos nem mesmo os bolsos de um fato macaco serviriam para colocar esta vanguarda da tecnologia, que deste modo deixou o conforto e segurança do bolso, para se sujeitar às diatribes de uma mão inquieta e incauta. O caso assume proporções tais, que na hora de comprar estas pontas de lança da tecnologia já se vendem ao mesmo tempo seguros contra quebras acidentais. Eu pertenço aos 0,1% de utilizadores da velha guarda, que podem não ter tecnologias finas, mas tem a segurança de uma inquebrável tecnologia grossa, que no fim de contas faz o mesmo que todos os outros... telefona!

Blogs Portugal

4 comentários

Comentar post

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Posts mais comentados

Tags

mais tags