Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

E porque não eu?

terapia de reflexão para mentes livres e com paciência, SA ou Lda não interessa, pelo menos pensar não paga impostos

E porque não eu?

sem Filtro

por António Simões, em 19.02.19

Normalmente não me guio por tendências, mas também não sou sobranceiro ao ponto de achar que em circunstância alguma não me deixei levar por algoritmos maquiavélicos, que nos levam de forma completamente manietada a fazer algo que não passa pelo filtro da nossa razão. Hoje em dia, mais do que nunca em toda a história da humanidade, não precisamos de um mas de vários filtros dispostos em camadas de inteligência que nos permitam fazer escolhas acertadas, escrupulosas e certas daquilo que devemos levar e ter em conta, na hora de uma simples compra, no momento de um comentário, na postura de uma opinião, ou na escolha do companheiro da mesa de cabeceira. Sempre que preciso de um livro novo, desperta em mim uma espécie de adrenalina que mistura a excitação de uma obra que me surpreenda e que eu devore versus a temeridade de fazer uma escolha errada e acabar defraudado por um punhado de páginas que me acaba por devorar. Seguir o rebanho nunca foi minha tendência, mas sempre passo uma vista de olhos pelos títulos mais vendidos para verificar se a minha sintonia está no mesmo comprimento de onda que o da maioria. Foi assim que verifiquei uma vez mais que os filtros a que atrás me referia, estão cada vez mais rotos e permeáveis à imbecilidade pois no topo de vendas encontra-se o recente livro lançado pelo antigo presidente do Sporting - Bruno de Carvalho. Coincidência, ou não, o título de mesmo é "Sem Filtro"... palavras para quê.

acidente em Alvalade

por António Simões, em 16.11.16

Estava serenamente a almoçar. Na televisão o noticiário cumpria a sua obrigação de me dar a conhecer o que se passa no mundo e aqui pela tugalândia, quando surge mais uma notícia acerca do incidente de Alvalade. A estação de televisão vangloriava-se de ter "acesso às gravações em bruto das 3 câmaras dos túneis de Alvalade", sendo que a reportagem versava sobre o escrutínio de opiniões acerca de, e aqui tenho que recorrer ao jargão judicial, uma alegada cuspidela. Os actores da cena, pelo menos no que se refere ao papel principal, são presidentes dos clubes que momentos antes tinham acabado de disputar uma saudável partida de futebol. Do lado leonino defende-se que o que se vê nas imagens é o vapor do "saudável" cigarro electrónico do seu presidente, enquanto que do lado arouquense se vaticina que se trata de uma cuspidela, matéria biodegradável mas que sendo emitida na direcção de um semelhante não é em caso algum material saudável. No meio de tudo temos o delegado da liga assistindo a tudo da primeira fila, e tendo em conta o seu apelido - Manhoso - acho que não espero nada de novo nos próximos dias. Tratar de cuspidelas em horário de almoço não é de todo agradável, e o incidente entre os presidentes nunca deveria ter ocorrido não fosse o acidente de Alvalade, ocorrido aquando da eleição de Bruno de Carvalho...

Blogs Portugal

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Posts mais comentados

Tags

mais tags