Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

E porque não eu?

terapia de reflexão para mentes livres e com paciência, SA ou Lda não interessa, pelo menos pensar não paga impostos

E porque não eu?

história do cerco de Lisboa

por António Simões, em 23.03.15

Sem qualquer tipo de sobranceria da minha parte, tenho que dizer que depois de ter lido quase toda a obra de José Saramago, fica uma espécie de sentimento de tristeza quando termino um livro seu. Tristeza por saber que não vai escrever mais, e brindar-nos com toda a sua singela imaginação, carregada de mensagens bem claras, detentoras de uma análise e interpretação do mundo que nos rodeia, que só ele, juntamente com um humor dotado de uma inteligência soberba, é capaz de fazer. Esta história do cerco de Lisboa é um exercício de imaginação hilariante, conseguindo durante a leitura transpor o leitor entre o tempo presente e o passado na altura da conquista da fortaleza aos mouros, acompanhando a façanha num paralelismo soberbo com a conquista do coração da pretendida pelo pretendente. É, quanto a mim, o caminho trilhado pelo amor, com todos os seus desvios e apeadeiros, o verdadeiro tema deste livro, sendo a história do cerco de Lisboa apenas um pretexto para a contar, e, acima de tudo, caracterizar.

Blogs Portugal

2 comentários

  • Imagem de perfil

    De António Simões a 30.03.2015 às 12:25

    Ao que eu acrescento, que o brilhantismo das conquistas actuais é mais brilhante que os do passado. Hehehe.
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D

    Posts mais comentados

    Tags

    mais tags